1. Início
  2. Notícias
  3. 2016
  4. Fevereiro

Capital Inicial e Rock de Galpão reúnem 28 mil pessoas no Espaço Multicultural do Parque de Exposições

Publicada dia

A mistura da música tradicionalista gaúcha com a pegada do rock and roll, marca registrada do grupo Rock de Galpão, e as canções nacionalmente conhecidas da banda Capital Inicial marcaram a Noite do Rock nesta sexta-feira (26), na Festa da Uva 2016. De acordo com a Brigada Militar, 28 mil pessoas acompanharam os shows no Espaço Multicultural do Parque de Exposições.

Responsável por abrir a noite, a Rock de Galpão empolgou a todos com sua releitura contemporânea da música feita no sul do Brasil. Bateria, acordeon, tambor e, claro, guitarra, deram o tom da apresentação que levantou o público do início ao fim. A clássica “Origens”, de Os Fagundes, empolgou, assim como a homenagem a Os Bertussi com a canção “Oh de Casa”, cantada em coro pela plateia. Os destaques também ficaram para “Amigo Punk”, “Castelhana” e, como não podia deixar de ser, o hino do Rio Grande do Sul, cantado em uma só voz pelo público.

Quinze minutos antes do horário previsto, a banda Capital Inicial invadiu o palco do Espaço Multicultural. O show acústico, iniciado de forma tímida, com os músicos sentados, se transformou em uma verdadeira apresentação de rock no momento em que o vocalista Dinho Ouro Preto abandonou a cadeira. “Eu não consigo ficar sentado!”, brincou. O show foi um dos primeiros da turnê “Acústico NYC”, que começou a rodar o Brasil no final de janeiro deste ano. Para Dinho, não havia lugar melhor para que isso acontecesse do que a Festa da Uva, demonstrando carinho pela cidade e lembrando o quanto são bem tratados em Caxias do Sul. “Ressureição” abriu o show, seguida pelo hit “Depois da Meia-Noite”. “Olhos Vermelhos”, “A Sua Maneira” e “Como Se Sente” também levantaram o público, que foi ao delírio com '"Natasha” e “Primeiros Erros”.

Após o pedido de bis, veio a homenagem ao Aborto Elétrico, banda fundada por Renato Russo e que foi o embrião de Capital Inicial e Legião Urbana. “Fátima” e “Veraneio Vascaína” cumpriram o papel de levar o público de volta ao anos 80. A apresentação, de 2h10min de duração, foi encerrada de forma épica, com todos de braços para cima, cantando cada verso de “Só Os Loucos Sabem”, em lembrança aos santistas da Charlie Brown Jr.

Dinâmica Comunicação - Assessoria de Imprensa da Festa da Uva 2016

Galeria de imagens
1 de 2 imagens

Foto por ANTONIO LORENZETT

Foto por ANTONIO LORENZETT