1. Início
  2. Notícias
  3. 2016
  4. Fevereiro

Público do quinto desfile empolga figurantes na Rua Plácido de Castro

Publicada dia

Pode ser pela história dos 140 anos de imigração, pela beleza do espetáculo, porque a última semana de Festa da Uva 2016 vem se aproximando ou até mesmo pelo cancelamento do último desfile, em função do mau tempo. O motivo certo não se sabe, mas cerca de 27 mil pessoas prestigiaram o espetáculo deste domingo (28), na Rua Plácido de Castro. Esquinas e camarotes lotados de pessoas com olhos atentos, sorrisos e câmeras fotográficas marcaram a noite da maior presença de espectadores registrada até agora.

O público chegou cedo para conseguir um bom lugar. Antes mesmo das 18h30min, os camarotes e as ruas começaram a encher. A Orquestra Municipal de Sopros e o Coro Sinfônico do desfile começaram a tocar pontualmente às 19h30min, conforme o programado, arrancando arrepios com as canções italianas bastante conhecidas. O desfile começou às 20h, com as luzes e o som da narrativa construída para celebrar os 140 anos de imigração italiana no Rio Grande do Sul.

O público reagiu aos três atos que constituem o desfile: Origens de uma Cultura, Formação de uma Cultura e Uma Cultura em Festa. Participando do primeiro ato, Ironita Trentin, 68 anos, desfilou no carro alegórico em formato de navio, que recorda a viagem dos italianos rumo à América. Segundo Ironita, é possível sentir a emoção de quem estava deixando sua terra. Mesmo sendo a quinta vez que desfila na Rua Plácido de Castro, Ironita garante que não está cansada. “Está cada vez melhor. Agora a gente sabe como fazer, temos todo o pique e harmonia!”, comenta.

Na ala da formação de uma cultura, Elsa dos Reis desfilou com um cesto repleto de pães coloniais. “Recebi um convite para participar do desfile e fiquei em dúvida, mas depois pensei que precisamos fazer alguma coisa pela nossa comunidade. Temos que valorizar a Festa da Uva”, defende. Aos 70 anos, relata estar adorando os desfiles. “Vemos muitas pessoas que nos aplaudem, e os pães chamam a atenção de todos”, conta.

Especialmente no último ato, o público participou ativamente, cantando a música-tema da Festa, Imagens e Horizontes. O ponto alto foi mais uma vez a chegada do carro da rainha Rafaelle Galiotto Furlan e das princesas Laura Denardi Fritz e Patrícia Piccoli Zanrosso. Após a passagem do trio, o público se aglomerou em frente à orquestra para prestigiar as últimas músicas e ver o show de fogos de artifício que encerra o desfile.

Quem assistiu da rua, fora das arquibancadas, não saiu decepcionado. Maristela Fischer, 53 anos, assistiu ao desfile no fim da Rua Plácido de Castro. '"Mesmo estando no final, os figurantes mantiveram a representação. O espetáculo está muito bonito'", garante.

Serviço:

Os próximos desfiles ocorrem nos dias 5 e 6 de março. Às 19h30min, a Orquestra Municipal de Sopros e o Coro Sinfônico do desfile começam a receber os espectadores com músicas. O desfile começa às 20h.

Valores:

Arquibancadas a R$ 30 e R$ 15 (acima de 60 anos e estudantes). PCD´s e um acompanhante não pagam ingresso para arquibancada. Para estes, os bilhetes podem ser retirados na hora e local do desfile; as arquibancadas são numeradas e a gratuidade será conforme disponibilidade de lugares.

Há também a opção de assistir ao desfile gratuitamente, ao longo das quadras da Rua Plácido de Castro.

Dinâmica Comunicação - Assessoria de Imprensa da Festa Nacional da Uva 2016

Galeria de imagens
1 de 3 imagens

Foto por ANTONIO LORENZETT

Foto por ANTONIO LORENZETT

Foto por ANTONIO LORENZETT