1. Início
  2. Notícias
  3. 2018
  4. Dezembro

Escola Pública de Trânsito dá dicas para viagem segura neste fim de ano

Orientações asseguram deslocamento tranquilo para que menos acidentes sejam registrados

Atualizada dia

Para uma viagem com tranquilidade e segurança é fundamental que os condutores reservem algumas horas para conferir se o veículo e os documentos estão em ordem. Pensando nisso, a Escola Pública de Trânsito, departamento da Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMTTM), preparou dicas para os caxienses que pegarão a estrada no Natal e no Ano Novo.

De acordo com o gerente da EPT, Joelson Queiroz, o planejamento para uma viagem segura pode começar no cuidado com a documentação, tanto do condutor como do veículo. O fiscal de trânsito reforça que o motorista deve ficar atento ao prazo de vencimento da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), licenciamento do veículo e o seguro obrigatório, que devem estar em dia. Com tudo conferido, é hora de programar uma revisão do veículo. É nesta etapa que são verificados itens básicos, como freios, óleo do motor, filtros de óleo, combustível, funcionamento dos faróis e amortecedores, entre outros.

Queiroz afirma também que os erros mais comuns dos motoristas são a falta de revisão nos pneus, mantendo a calibragem em dia para evitar desgaste prematuro do equipamento e perda da estabilidade do veículo. “É importante que o condutor lembre que um carro possui cinco pneus. O estepe também é um item obrigatório e deve estar calibrado e em bom estado para que cumpra a sua importante função em caso de necessidade. Além disso, é um pneu reserva, de uso temporário, que deve ser substituído assim que possível”, reforça. A mesma atenção vale para o macaco hidráulico, chave de roda e para o triângulo, equipamentos muitas vezes lembrados apenas em casos de emergência e que contribuem para a segurança no trânsito.

Ainda antes de iniciar a viagem, para evitar distrações e problemas no percurso, a orientação é preparar um roteiro da viagem, traçando um mapa até o destino e com possíveis alternativas para evitar congestionamentos, comuns no período de férias. Além disso, se for viajar para um lugar novo, o agente afirma que é importante pesquisar locais para fazer paradas durante a viagem. Ao utilizar GPS ou celular, é fundamental que o condutor manuseie o aparelho com o carro estacionado e que mantenha o equipamento em um acessório no painel do veículo.

Galeria de imagens
1 de 5 imagens

Foto por Leonardo Portella

Foto por Leonardo Portella

Foto por Leonardo Portella

Foto por Leonardo Portella

Foto por Leonardo Portella

Queiroz ainda reforça o uso do cinto de segurança. Além do motorista e do carona, os passageiros do banco traseiro também devem se locomover utilizando o cinto, seja o acessório com três pontas, nos veículos fabricados a partir de 1999, como o cinto abdominal, para veículos mais antigos. Também se deve evitar o consumo de álcool, respeitar os limites de velocidade, manter distância do veículo à frente e nunca fazer ultrapassagens arriscadas. “Muitas vezes o condutor viaja e fica preocupado se tem pardal, se tem fiscalização e não fica atento à sinalização de trânsito. São as placas que orientarão quem estiver viajando, seja das distâncias, dos limites de velocidade ou dos perigos da pista”, destaca.

Transporte

É nesta época do ano que muitas dúvidas surgem sobre o transporte de cargas ou de bicicletas. Queiroz explica que, de acordo com a legislação de trânsito, é permitido o transporte de cargas acondicionadas em bagageiros ou presas a suportes apropriados devidamente afixados na parte superior ou traseira externa da carroceria.

Para quem viaja levando prancha ou bicicleta, por exemplo, é importante ficar alerta às medidas, que não podem ultrapassar a largura e o comprimento do veículo. O mesmo vale para animais, que devem ser transportados com cintos exclusivos para os animais ou em caixas apropriadas para o transporte.

Assessoria de Imprensa - SMTTM