1. Início
  2. Notícias
  3. 2019
  4. Janeiro

Prefeitura e Ministério da Agricultura debatem fortalecimento da Feira Ecológica em Caxias do Sul

Smapa se concentra em organizar comercialização diferenciada para consumidores

Atualizada dia

A Secretaria Municipal da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Smapa) e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) debateram nesta terça-feira (29/01), no auditório da secretaria, o fortalecimento da Feira Ecológica em Caxias do Sul. Uma equipe do governo federal também visitou as duas edições que ocorrem na cidade, ainda durante o mês de novembro. Na ocasião, houve constatação de produtos sem registro. Nos próximos dias, a Smapa e a Emater farão um diagnóstico dos produtores orgânicos interessados em se adequar, a fim de melhorar e fortalecer essa modalidade de comercialização.

Camila Sandri Sirena, titular da Smapa, ressaltou a disponibilidade da pasta para melhorar cada vez mais as feiras. “Nós sempre estivemos e continuamos à disposição dos agricultores para atender, resolver e buscar soluções para aprimorar as estruturas e condições do nosso produtor rural, mantendo-o no campo. Isso contribui para garantir o futuro das agroindústrias familiares de Caxias do Sul”, destacou.

Galeria de imagens
1 de 3 imagens

Foto por Clara Baratto Sant'Ana

Foto por Clara Baratto Sant'Ana

Foto por Clara Baratto Sant'Ana

José Cléber Dias de Souza, engenheiro agrônomo do Mapa, salientou as ações para estimular a produção e o consumo dos produtos orgânicos. “Nós procuramos orientar os feirantes na produção adequada dos seus alimentos, beneficiando a sociedade. O Ministério, junto à prefeitura, procura superar algumas fragilidades identificadas nas feiras”, apontou. Uma nova reunião ocorrerá em março para avaliar quais e quantos produtos agroindustriais necessitam de registros nos órgãos competentes para posterior certificação como orgânico.

Ramon Sirtoli, diretor executivo da pasta, acredita que, com essas medidas, as agroindústrias e os consumidores serão beneficiados. “Os produtores terão uma renda maior para movimentar os negócios. Já a população terá um produto de qualidade e com segurança à disposição”, enfatizou.

A Feira Ecológica ocorre nos sábados, na Praça das Feiras, das 6h30 às 11h30, e às quartas-feiras, na rua Santos Dumont, no bairro Nossa Senhora de Lourdes, das 14h às 18h.

Assessoria de Imprensa - Smapa