1. Início
  2. Notícias
  3. 2019
  4. Junho

Estudantes do 4° e 5° ano da Escola Municipal Arlinda Manfro terão aula em novo espaço

A partir do segundo semestre, instituição localizada em Galópolis passará a atender em prédio da prefeitura

Atualizada dia

Os estudantes do 4° e 5° ano da Escola Municipal da Ensino Fundamental Professora Arlinda Lauer Manfro, no bairro Galópolis, terão aula em um novo espaço a partir desta quarta-feira (05/06). A decisão foi anunciada pela Secretaria Municipal da Educação (Smed) em reunião com a comunidade na noite desta terça-feira (04/06). A medida visa preservar a segurança das cerca de 17 crianças que estudam em uma sala cujo assoalho está cedendo. O novo espaço, que será usado temporariamente, foi cedido pela comunidade de São João da 4ª Légua. Como a escola está localizada no meio rural, o serviço de transporte será mantido.

Galeria de imagens
1 de 5 imagens

Foto por Renata Zanatta

Foto por Renata Zanatta

Foto por Renata Zanatta

Foto por Renata Zanatta

Foto por Carolina Canton

Na ocasião, também foi anunciada a transferência de todos os estudantes da instituição para um novo espaço a partir do segundo semestre, em virtude das condições estruturais do restante do prédio. As aulas da Escola Arlinda Manfro, que oferece três turmas multisseriadas (uma para a Educação Infantil, uma para o 1° ao 3° ano e uma turma para o 4° e 5° ano), deverão ocorrer no Centro de Eventos da Secretaria Municipal do Esporte e Lazer (Smel), localizado em Galópolis. Além das salas de aula, o espaço contará com refeitório, sala multiuso e área externa para a prática de atividades físicas. O transporte para os estudantes também está garantido.

A titular da Educação, Marina Matiello, reforça que a transferência dos estudantes é necessária para garantir a continuidade das aulas.

“Gostaria de agradecer a todos os envolvidos na busca por um local mais adequado e seguro para os nossos estudantes. Estamos constantemente atentos à qualidade da educação e dos espaços escolares da rede municipal. Não medimos esforços para encontrar a melhor solução, visando garantir a continuidade das aulas na Escola Municipal Arlinda Manfro, que é referência para a comunidade da região”, destaca.

Após a acomodação das 62 crianças atendidas pela instituição, a equipe técnica da Smed, em conjunto com a administração e outras secretarias, fará a análise estrutural do prédio para futuras definições.

Assessoria de Imprensa - Smed