1. Início
  2. Notícias
  3. 2019
  4. Junho

Prefeito Daniel Guerra anuncia asfaltamento entre Loreto e São Cristóvão

Estradas municipais 306 e 66 10 01 fazem a ligação das duas comunidades

Atualizada dia

O prefeito Daniel Guerra anunciou, neste domingo (30/06), o asfaltamento da ligação entre as comunidades de Loreto e São Cristóvão, no travessão São Virgílio, 2ª légua, entre Forqueta e Vila Cristina. O anúncio ocorreu durante um almoço no salão da comunidade de Loreto. Estão estimados o asfaltamento de cerca de cinco quilômetros, do entroncamento com a Estrada da Uva até o trevo do salão de São Cristóvão, num investimento de aproximadamente R$ 8 milhões. Serão contemplados dois trechos das estradas municipais 306 e 66 10 01.

Na oportunidade, o prefeito conversou com os moradores, encaminhou demandas e explicou mais sobre a obra que será feita. "Vamos dar prazos: no primeiro semestre de 2020 a obra tem que começar. O dinheiro já está garantido. Peço às senhoras e aos senhores que nos ajudem a fiscalizar a empresa que vencer a licitação. Se não estiver bom, avisem a Secretaria de Obras", garantiu o prefeito. "É um desafio, ainda mais para nós, que pegamos uma prefeitura à beira do colapso. Com a equipe que temos, comprometida em vencer desafios, é possível sim transformar o sonho de tantos agricultores em realidade, unidos no compromisso de priorizar o que é mais importante para a população", explicou Daniel Guerra.

Galeria de imagens
1 de 5 imagens

Prefeito Daniel Guerra fez o anúncio acompanhado de secretários municipais

Foto por Luciane Modena

Prefeito Daniel Guerra fez o anúncio acompanhado de secretários municipais

Foto por Luciane Modena

Prefeito, primeira-dama e secretário de Obras recebem homenagens da comunidade

Foto por Luciane Modena

Salão paroquial de Loreto esteve lotado para almoço festivo

Foto por Mateus Argenta

Salão paroquial de Loreto esteve lotado para almoço festivo

Foto por Mateus Argenta

Conforme o secretário de Obras e Serviços Públicos (Smosp), Leandro Pavan, a escolha das localidades contempladas com o Programa de Desenvolvimento da Infraestrutura (PDI), como a anunciada, obedeceu a critérios estritamente técnicos, considerando os quesitos de ligação logística, escoamento de produção rural, turismo e economia em manutenção para a Smosp. "Para cada localidade, foram atribuídos pontos nos critérios estabelecidos. Essa região, por exemplo, tem pontuação muito alta em economia para a Smosp com patrolamento e cascalhamento, além de ser um local com turismo e forte tradição na viticultura, fruticultura e piscicultura. O trecho tem ligação com o centro de Forqueta e, consequentemente, com a ERS-122", explica Pavan.

Para o agricultor Rodrigo Zangalli, 37 anos, a notícia foi motivo de celebração. “Tudo que a gente produz é escoado por essa estrada. Sou produtor de uva e esse é um local bastante usado, com muito tráfego, portanto é difícil manter numa condição boa. Tem um trecho com bastante aclive, e caminhões grandes às vezes não conseguem subir. É uma reivindicação antiga, e este é um dia que a gente estava esperando há muito tempo. Toda a comunidade está contente”, comentou. A produção de Zangalli chega a 250 toneladas por ano, comercializadas dentro do Município.

O sentimento é compartilhado pelo viticultor Arlindo Dallegrave, 81 anos. “Eu achei esse anúncio o máximo que poderia acontecer, graças ao prefeito Daniel Guerra, que esteve em nossa comunidade. Quando ele anunciou o asfalto, eu vi, na mesa onde estava com meus amigos, muitos chorando de alegria, soltando lágrimas de emoção. Só temos a agradecer por esse anúncio”, finalizou. Dallegrave já chegou a produzir 150 toneladas de uva por ano, a maioria matéria-prima para sucos fabricados em Caxias do Sul e em cidades vizinhas.

Galeria de imagens
1 de 2 imagens

Região é conhecida pela alta concentração de produção de uva

Foto por Luciane Modena

Asfaltamento seguirá até o trevo junto ao salão de São Cristóvão

Foto por Luciane Modena

A verba para execução do PDI é proveniente de um empréstimo de cerca de R$ 100 milhões, conquistado pela administração municipal junto à Corporação Andina de Fomento (CAF). O investimento está sendo aplicado em 68 quilômetros de asfalto no meio rural e em obras de infraestrutura na área urbana. Estão em andamento as obras de asfaltamento das estradas municipais Arziro Galafassi (Estrada dos Romeiros); João Edgar Jung (primeiro trecho da Linha Sebastopol); 92 (segundo trecho da Linha Sebastopol); Domingos Mazzochi (acesso a São Braz); 386 e Waldemar Pante (em Criúva); 101 (terceira légua) e 61 e 19 (São Pedro da Terceira Légua/Estrada do Vinho).

A comunidade também prestou homenagem à prefeitura: três representantes das localidades de Santo Antônio, Loreto e São Cristóvão entregaram presentes ao prefeito, ao titular da Smosp e à primeira-dama do Município, Andrea Marchetto Guerra. Além deles, estiveram presentes o chefe de gabinete, Chico Guerra, o secretário da Saúde, Júlio Freitas, da Habitação, Claudir de Bittencourt, a procuradora-geral Cássia Kuhn e a presidente da Fundação de Assistência Social, Rosana Menegotto.

Galeria de imagens
1 de 24 imagens

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Foto por Mateus Argenta

Assessoria de Imprensa - Smosp