1. Início
  2. Notícias
  3. 2019
  4. Agosto

Caxias do Sul é oficializada na Região das Hortênsias pelo Ministério do Turismo

Solicitação para alteração da região turística dentro do Mapa do Turismo Brasileiro foi feita em junho

Atualizada dia

A Secretaria Municipal do Turismo (Semtur) recebeu, nesta segunda-feira (26/08), a confirmação de que Caxias do Sul passa a integrar a Região das Hortênsias dentro do Mapa do Turismo Brasileiro. A oficialização se deu a partir da divulgação do Ministério do Turismo, que traz o município caxiense na nova região turística.

A portaria foi publicada no Diário Oficial da União nesta segunda-feira. “Essa alteração será positiva para Caxias do Sul e é reflexo da seriedade como tratamos o turismo e de como buscamos aproximação com os municípios que fazem parte da grande região Serra Gaúcha”, comenta a titular da pasta, Renata Carraro. Agora, a Região das Hortênsias conta com os municípios de Caxias do Sul, Gramado, Canela, Nova Petrópolis, São Francisco de Paula e Picada Café.

A secretária defende a importância da cidade fazer parte desta região. Segundo ela, a escolha ocorre devido às afinidades e limites geográficos entre Caxias do Sul e os municípios que constituem o destino. Atendendo aos critérios do MTur quanto à constituição das regiões turísticas, Caxias do Sul faz limite com quatro dos cinco municípios da Região das Hortênsias. Se compararmos com a Uva e Vinho, Caxias faz limite apenas com três dos 29 municípios integrantes daquela região.

“A mudança tem o propósito de fortalecer o turismo caxiense. Esse é um passo muito importante para Caxias do Sul e será um marco para a história com a aproximação de cidades que tem o turismo como a principal atividade econômica e que já possuem uma sinergia”, complementou.

O novo Mapa do Turismo Brasileiro vigorará até 2021 e as atualizações são feitas a cada dois anos.

Histórico

A alteração para a Região das Hortênsias foi solicitada pela Semtur à Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) ainda em junho, já que é o Estado que faz os encaminhamentos ao Ministério. Porém uma liminar na Justiça, no fim de julho, impediu a mudança dentro dos prazos previstos pelo governo federal. Imediatamente, a Procuradoria-Geral do Município (PGM) ingressou com um recurso, que foi aceito pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ-RS).

Com a derrubada da liminar, a Sedetur encaminhou, a pedido da Semtur, a validação ao Ministério do Turismo (MTur) para inclusão do município na nova região turística. A validação ocorreu na última semana, culminando com a oficialização do MTur nesta segunda-feira.

Assessoria de Imprensa – Semtur