1. Início
  2. Notícias
  3. 2019
  4. Agosto

Escola Municipal de Ensino Fundamental Santo Antônio recebe Plantar e Colher da Semma

Atividade reuniu cerca de 30 pessoas e promove a criação de hortas urbana

Publicada dia

O setor de Educação Ambiental da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semma) promoveu mais uma edição do projeto Plantar e Colher – Hortas Urbanas. Dessa vez, a ação ocorreu Escola Municipal de Ensino Fundamental Santo Antônio, localizada em São Pedro da Terceira Légua. Cerca de 30 alunos do 8ª ano e professores se uniram para criar a horta da escola na manhã desta segunda-feira (05/08).

O Plantar e Colher tem o objetivo de contribuir para a compreensão da complexidade do ambiente em suas dimensões ecológicas, econômicas e sociais para sensibilizar a população sobre a importância das questões ambientais. Também promove junto à comunidade o senso de proteção e trabalho em equipe, com a criação das hortas urbanas, abordando questões sobre a plantação de orgânicos e seus benefícios para a saúde.

“É muito legal ter essa experiência da gente poder plantar e fazer isso. Tem muita gente que não sabe como se faz e poder fazer é muito legal e interessante para a turma”, comentou Monica Daponti, estudante da escola. “É bacana essa ideia porque é uma coisa diferente, fora do normal, e a gente nunca costumava fazer isso. Poderemos ver o que comemos e vai ser uma experiência nova para nós”, exemplificou a também estudante Heloisa Vicenzi.

A Semma busca incentivar os estudantes a contribuírem com a adoção de novas práticas, tendo em vista o potencial que eles têm de propagar e disseminar o conhecimento com pais e amigos. Por isso a importância de realizando ações com as quais eles tinham pouco ou nenhum contato, desenvolvendo um sentimento de responsabilidade com as sementes ou mudas que plantaram.

“É bem interessante para as escolas que não estão na cidade, porque é uma experiência muito boa, já que é no interior e isso desenvolve o aluno para no futuro plantar”, disse Mateus Dallegrave, estudante. “Eu achei uma experiência bem legal e interessante porque é novo a gente sair da sala e plantar as próprias coisas, botar a mão na terra e trabalhar com isso”, resumiu Felipe da Rosa da Silva, colega de Mateus.

Ulisses Camatti Junior, professor que Ciências da escola, acompanhou a ação. “O projeto é muito interessante porque os alunos aprendem na prática, manuseando as plantas, a terra, conhecendo como funciona uma plantação, que cuidados que deve se ter. Isso atinge muito mais eles”, comentou.

O setor de Educação Ambiental Semma possui atividades e ações voltadas para todas as idades, sempre focando na preservação do meio ambiente de forma lúdica, para toda a comunidade. Os agendamentos podem ser feitos pelo telefone (54) 3901-1445, ramal 220. Dentre os projetos estão contação de histórias, teatro de fantoches, roteiros guiados no Jardim Botânico e no Mato Sartori, e o incentivo das hortas urbanas com o Plantar e Colher, além de palestras sobre o meio ambiente.

Galeria de imagens
1 de 10 imagens

Foto por Maria Antônia Nery

Foto por Maria Antônia Nery

Foto por Maria Antônia Nery

Foto por Maria Antônia Nery

Foto por Maria Antônia Nery

Foto por Maria Antônia Nery

Foto por Maria Antônia Nery

Foto por Maria Antônia Nery

Foto por Maria Antônia Nery

Foto por Maria Antônia Nery

Oficina em seis passos

Passo 1 – Escolher o local mais adequado: áreas abertas ou pequenos espaços podem servir de plantio em recipientes ou vasos, como terraços ou varandas. É importante que a área tenha boa ventilação e seja exposta ao sol. As hortaliças devem receber pelo menos cinco horas de sol por dia. De preferência, o da manhã.

Passo 2 – Preparando o local: pode-se plantar em vasos, vasilhas, garrafas ou em canteiros no chão. Para os vasos, vasilhas e garrafas, é preciso furar a parte de baixo para que a água escoe. Após, é necessário colocar uma camada de pedras para impedir a saída da terra. Em seguida, basta acrescentar o composto. Para canteiros, é necessário demarcar os espaços e revolver o solo. Após, preencher com composto e fazer o plantio.

Passo 3 – Seleção: as hortaliças devem ser escolhidas conforme a época de plantio. Alface, beterraba, capim-cidreira, cebolinha, cenoura, couve, espinafre, hortelã, radite e salsa são plantas curingas, porque se adaptam bem em qualquer época do ano.

Passo 4 – Cuidados no plantio: a plantação começa com sementes ou mudas. É preciso pesquisar o espaçamento ideal de cada planta escolhida para que ela cresça plenamente. Um pé de alface, por exemplo, deve ser plantado a 20 cm de distância dos demais. Já para tomate e couve a distância sobe para 35 cm.

Passo 5 – Manutenção: no começo, é preciso regar duas vezes por dia, até que a semente germine ou a muda pegue. Depois, basta uma rega diária, de preferência pela manhã.

Passo 6 – Proteção: por fim, basta proteger a horta de insetos e plantas invasoras.

Assessoria de Imprensa - Semma