1. Início
  2. Notícias
  3. 2019
  4. Setembro

Secretaria da Saúde amplia Plano de Contingência de Inverno

Com investimento superior a R$ 225 mil, contrato para oferta de consultas e leitos hospitalares foi renovado até 10 de outubro

Atualizada dia

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) ampliou o Plano de Contingência de Inverno. O objetivo é continuar garantindo assistência à população neste período em que as intempéries climáticas ainda podem elevar a demanda por atendimentos de saúde. Para isso, o contrato com a Associação Cultural e Científica Virvi Ramos foi renovado até 10 de outubro. Por meio da Clínica Clélia Manfro, a instituição atenderá casos de menor complexidade, dando suporte à Unidade de Pronto Atendimento 24 Horas (UPA 24h), localizada na Zona Norte. O acordo também mantém 15 leitos no Hospital Virvi Ramos para internação de usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). O investimento total é de R$ 226,1 mil.

Galeria de imagens
1 de 2 imagens

Foto por Andressa Boeira

Foto por Andressa Boeira

O secretário municipal da Saúde, Júlio César Freitas, explica que o Plano de Contingência segue funcionando da mesma forma. A porta de entrada para os usuários do serviço público de urgência e emergência é a UPA 24H. A Clélia Manfro funciona como retaguarda a este serviço. Isso significa que o usuário que precisar de assistência deve continuar se dirigindo à UPA 24H. Lá, durante a triagem, o paciente de menor gravidade é convidado a ir para a Clélia Manfro, a fim de agilizar o atendimento. O transporte entre os locais é feito pelo Município.

A clínica oferta consulta médica, exames, medicação e sala de observação, conforme a necessidade de cada usuário. O contrato prevê a prestação deste serviço de segunda a sexta-feira, das 10h às 20h. A capacidade de atendimento é de 50 pacientes adultos por dia. A assistência pediátrica continua sendo oferecida pela UPA 24H.

Segundo Júlio Freitas, o acordo foi renovado com base no fluxo de usuários registrado na UPA 24H e na clínica Clélia Manfro durante os três primeiros meses de vigência do Plano de Contingência. De 10 de junho a 31 de agosto, a média diária de atendimentos na UPA 24H foi de cerca de 300 pacientes, considerando-se adultos e crianças acolhidos de segunda a sexta-feira. No mesmo período, a clínica Clélia Manfro recebeu, em média, de 50 a 60 usuários por dia. Já o índice de ocupação dos leitos no hospital Virvi Ramos manteve-se sempre acima de 90%.

“A UPA 24H pode assistir cerca de 350 pessoas diariamente. Os números atestam que a estratégia funcionou bem, dando a devida retaguarda ao serviço de urgência e emergência, que ficou com uma demanda compatível à sua capacidade de atendimento”, destaca o secretário.

Do total investido na renovação do contrato, R$ 80,3 mil referem-se à prestação de serviço pela Clínica Clélia Manfro. R$ 145,8 mil são relativos aos leitos hospitalares. O valor empenhado é oriundo exclusivamente dos cofres municipais.

“Com a prorrogação do Plano de Contingência, garantimos assistência aos usuários de forma mais ágil neste período em que o clima mais impacta na saúde, uma demonstração de que as pessoas são prioridade desta administração”, conclui Júlio Freitas.

Assessoria de Imprensa - SMS