1. Início
  2. Notícias
  3. 2019
  4. Dezembro

Mais de mil pessoas se mobilizam nas atividades do Mês da Consciência Negra

Ao longo de novembro foram realizados cine debates, rodas de conversa, palestras e diversos eventos culturais

Publicada dia

A Coordenadoria de Promoção de Igualdade Étnico-Racial, vinculada à Secretaria Municipal de Segurança Pública e Proteção Social (SMSPPS), promoveu atividades alusivas ao Mês da Consciência Negra. Com o tema “A força da diversidade”, de 05 a 30 de novembro a programação consistiu em cine debates, rodas de conversa, palestras e diversos eventos culturais, visando à reflexão e à celebração da força da pluralidade social e cultural. Mais de mil pessoas se envolveram e se engajaram nos eventos.

A solenidade de abertura, que ocorreu no Centro Administrativo, reuniu no bate-papo “A força da diversidade” a pedagoga Joelma Rosa Couto, a servidora Maria Elenir de Oliveiro Anselmo, o empresário Leonardo Santos e a estudante Jamile Santos, trazendo experiências vividas por cada um enquanto negros em Caxias do Sul. Alunos da escola municipal Érico Veríssimo fizeram uma apresentação cultural de danças africanas.

Destaque ainda para cine debate “Rompendo as barreiras da discriminação racial”, com exibição do filme “Corra!”, que reuniu mais de 70 pessoas na Sala de Cinema do Centro de Cultura Ordovás. Já a escola estadual Olga Maria Kayser recebeu um círculo de construção de paz sobre a temática do mês com a participação de mais de 160 pessoas.

Galeria de imagens
1 de 5 imagens

Foto por João Pedro Bressan

Foto por João Pedro Bressan

Foto por João Pedro Bressan

Foto por João Pedro Bressan

Foto por João Pedro Bressan

Já o Dia Nacional da Consciência Negra (20 de novembro) foi celebrado com música, dança e rodas de capoeira no I Sarau Cultural: Protagonismo Negro, realizado na Fluência Casa Hip Hop. O evento recebeu alunos da escola municipal Ruben Bento Alves, integrantes do Instituto Tulipa, de Porto Alegre, artistas e pessoas da comunidade.

Alessandra Pereira, titular da coordenadoria de Promoção de Igualdade Étnico-Racial, celebrou o engajamento dos participantes.

“O mês foi muito positivo, pois nesta edição conseguimos alcançar diversos espaços da cidade que antes não tínhamos entrado ainda. Reforçamos laços e conhecemos novos parceiros que se dispõem junto à Coordenadoria a lutar contra o racismo e a discriminação racial. As atividades abrangeram diferentes públicos da sociedade, trazendo a reflexão de que precisamos debater esses temas para superar este crime”, enfatizou.

Realizada pela primeira vez, a Jornada da Saúde da População Negra incentivou a discussão e a reflexão a respeito da saúde deste público com palestras, espaço para esclarecimentos de dúvidas e apresentações de hip hop e marakatu. O evento recebeu 200 pessoas.

A diretora de Proteção Social da SMSPPS, Franciele Roso, ressaltou o reconhecimento do negro na sociedade. “O Mês da Consciência Negra incentiva o debate não só histórico, de uma sociedade que vivenciou longamente a escravidão, mas traz uma discussão atual ao pensar de que forma os impactos do processo de colonização repercutem até hoje no reconhecimento e inserção do negro na sociedade brasileira. Tais discussões favorecem a construção da identidade negra, promovem a diversidade racial e fortalecem o respeito às diferenças étnicas, sociais e culturais, objetivando o enfrentamento e o rompimento de barreiras preconceituosas e de qualquer forma de discriminação”, disse.

Galeria de imagens
1 de 2 imagens

Foto por Andressa Boeira

Foto por Andressa Boeira

Franciele destacou também o papel da Coordenadoria. “A unidade vem desenvolvendo um trabalho organizado e sistemático ao longo de todo o ano, com atividades educativas e culturais nas escolas municipais e estaduais, nos serviços da rede socioassistencial e de saúde. Precisamos reconhecer as diferenças para efetivamente superar as desigualdades raciais”, declarou.

Galeria de imagens
1 de 2 imagens

Foto por Divulgação

Foto por Divulgação

Assessoria de Imprensa - SMSPPS