1. Início
  2. Notícias
  3. 2020
  4. Janeiro

Secretaria da Saúde alerta para cuidados com a saúde mental

O Janeiro Branco reforça a importância de uma mente saudável

Atualizada dia

A Prefeitura de Caxias do Sul, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) aproveita a campanha do Janeiro Branco, que trata sobre os cuidados com a saúde mental, para reforçar a importância de ter uma mente saudável. O objetivo é estimular as pessoas, instituições e órgãos públicos para que reflitam, debatam, conheçam, planejem e efetivem ações em prol da saúde mental e do combate ao adoecimento emocional.

Segundo a diretora da Rede de Atenção Psicossocial da SMS, Elizabete Bertele, a campanha é válida e evidencia um tema ainda pouco difundido e discutido pela sociedade. “A saúde mental envolve diferentes dimensões, como a garantia e satisfação de necessidades humanas básicas, tais como: a alimentação, a moradia e o trabalho. Atualmente, há um aumento da complexidade das situações de sofrimento e/ou doenças mentais que está vinculado aos altos índices de violência, suicídio, alcoolismo, drogadição, preconceitos, entre outros que podem colocar em risco o equilíbrio mental e relacional com a sociedade.”, afirma.

Em Caxias do Sul, as 49 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) estão aptas para prestar suporte no acolhimento e tratamento dos casos envolvendo doenças que afetam a mente e o sistema nervoso, como a depressão. Além delas, a SMS ainda possui uma Rede de Atenção Psicossocial capacitada para prestar auxílio e tratamento de múltiplas doenças mentais. Ela é formada pelo Centro de Atenção Integral em Saúde Mental (CAIS Mental), quatro Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), um Ambulatório de Atendimento Integral a Crianças e Adolescentes Vítimas de Maus Tratos (APOIAR), uma Unidade de Acolhimento Adulto (UAA), quatro Residenciais Terapêuticos e o Consultório de Rua.

A campanha

A Organização Mundial de Saúde (OMS), desde 2000, vem chamando a atenção para o crescimento dos índices de adoecimento na área da saúde mental. Segundo dados divulgados pela OMS em 2019, o Brasil ocupa o primeiro lugar no ranking das nações com mais casos de transtorno de ansiedade e a quinta colocação em casos de depressão, primeira na América Latina.

Em 2014, inspirados pela campanha Outubro Rosa (que alerta sobre o câncer de mama), psicólogos da cidade de Uberlândia (MG) se mobilizaram em torno da temática da Saúde Mental e propuseram o Janeiro Branco. De lá para cá, a ideia ganhou força e espalhou-se pelo país.