1. Início
  2. Notícias
  3. 2020
  4. Junho

2ª Unidade de Suporte Avançado do SAMU inicia atendimentos

A equipe é composta por médico, enfermeiro e um condutor-socorrista

Atualizada dia

O Prefeito Flávio Cassina e o Vice-Prefeito Edio Elói Frizzo, foram recepcionados pelo secretário municipal da Saúde, Jorge Olavo Hahn Castro, na manhã desta quarta-feira (10/06), para conferir o início dos trabalhos da 2ª Unidade de Suporte Avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), também conhecida como UTI móvel, composta por um médico, um enfermeiro e um condutor-socorrista.

Castro, que antes de ser secretário trabalhava no SAMU, como médico na unidade avançada, ficou muito contente de disponibilizar uma segunda UTI Móvel aos caxienses. "Essa era uma luta antiga. Quando recebíamos uma ligação e era feita a triagem, nosso maior medo era precisar e a ambulância já estar em outro atendimento. É mais um ganho para a comunidade".

Cassina salientou a importância do serviço. "O serviço que vocês prestam já é de suma importância normalmente. Em tempos de pandemia, é essencial ampliarmos os esforços para salvar vidas".

Por fim, Castro comentou: "dia 1º de janeiro espero estar aqui, de volta".

O diretor geral do SAMU, Thyago Anzolin Coser, explica que cada unidade básica tem um custo mensal de R$ 140 mil e a avançada de R$ 290 mil. "Cada saída para atendimento da avançada tem um custo médio de R$ 1,5 mil. Isso porque os materiais como tubos, pás de desfibrilação, capnografia, oxigênio, entre outros possuem um volume bem expressivo de uso. Apenas na paramentação da equipe, são R$ 250 por atendimento".

De 01 de janeiro a 31 de maio deste ano, foram 5.783 socorros prestados, sendo 5.064 da unidade básica e 509 da avançada.

A SMS atenta ainda ao elevado número de trotes recebidos. No mesmo período, foram 1.842, o que representa 5% das chamadas totais recebidas.

Galeria de imagens
1 de 2 imagens

Foto por Andréia Copini

Foto por Andréia Copini