1. Início
  2. Notícias
  3. 2021
  4. Junho

Cultura anuncia vencedores do 55° Concurso Anual Literário

Maya Falks recebe o prêmio Vivita Cartier com a obra “Eu também nasci sem asas”

Atualizada dia

A Secretaria Municipal da Cultura - Departamento do Livro e da Leitura - divulgou nesta terça-feira (8.6) os nomes dos vencedores do 55° Concurso Anual Literário de Caxias do Sul. Maya Falks receberá o troféu de melhor obra literária - Prêmio Vivita Cartier - por “Eu também nasci sem asas”. Ainda foram premiados outros nove autores nas categorias de contos, crônicas e poesias. O concurso recebeu 51 inscrições de textos inéditos e 14 obras concorreram ao prêmio Vivita Cartier.

Os primeiros lugares ganham troféu e certificado; os segundos e terceiros, medalha e certificado. Os textos contemplados serão reunidos em uma antologia a ser lançada durante a 37ª Feira do Livro de Caxias do Sul. O Prêmio Vivita Cartier contempla apenas uma autora, que receberá troféu, certificado e a quantia de R$ 8.680,80 em dinheiro. Nesta categoria concorrem livros publicados no ano anterior por autor ou editora de Caxias do Sul e dos demais municípios da Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste, valendo o critério de estar estabelecido há, no mínimo, dois anos na região.

A comissão examinadora do concurso, composta por Marcos Fernando Kirst, Maristela Scheuer Deves e Ricardo Silvestrin, se reuniu virtualmente para a tarefa de escolher os premiados. Devido às restrições impostas pela pandemia da covid-19, a premiação será realizada de forma individual com captação de imagens, que darão origem a um único vídeo da entrega dos troféus e medalhas. Este será lançado nas redes sociais da Secretaria da Cultura, no dia 18 de junho, às 18h, integrando as comemorações da Semana de Caxias.

Vencedores

Prêmio Vivita Cartier

  • Maya Falks, com a obra “Eu também nasci sem asas”

Contos

  • 1º lugar – Ana Carolina Marques Ramos, com os textos “Um homem cinzento”, “A esposa dele” e “A casa deles”
  • 2º lugar – Abner Nodari, com os textos “Um efeito parecido ao de um martelo de madeira”, “Quase ela” e “Herança”
  • 3º lugar – Juarez Nunes da Silva, com os textos “Desaguisado de compadres”, “Fina flor de gaúcha” e “A peleia encardida entre o Florentino e o João Ribeiro”

Crônica

  • 1º lugar – Geneviève Faé, com os textos “Antiepifania no elevador”, “A beleza confinada” e “Algumas pessoas viram crônica”
  • 2º lugar – Jaque Ross, com os textos “Cicatrizes”, “Um prato de afeto” e “Retalhos do tempo vivido”
  • 3º lugar – Clarissa Nogueira do Espirito Santo Padovani Mussoi, com os textos “Álbum de fotografia”, “A força que habita em mim” e “Serra gaúcha”

Poesia

  • 1º lugar – Sara Carmona Lladó, com os textos “Conversa com Drummond”, “Conversa com Manoel” e “Conversa com Ferreira”
  • 2º lugar – Joanim Pepperoni, PhD, com os textos "Procura da polenta", "Polenta à moda da cocanha" e "Mignão"
  • 3º lugar – Leandro Angonese, com os textos “A peste”, “Ato criminoso” e “Solidão, só que não”
Galeria de imagens
1 de 2 imagens