1. Início
  2. Notícias
  3. 2021
  4. Setembro

Município irá declarar situação de emergência devido ao temporal de segunda

Equipes seguem prestando atendimento aos distritos de Santa Lúcia do Piaí e Vila Oliva

Atualizada dia

A Prefeitura de Caxias do Sul irá declarar situação de emergência devido ao temporal que atingiu os distritos de Santa Lúcia do Piaí e Vila Oliva ontem (20.09). O gabinete de crise esteve reunido hoje de manhã (21.09) para alinhar os encaminhamentos necessários para atender as famílias atingidas. As secretarias farão um levantamento, dentro de sua área, como perdas nas lavouras, qualificando e quantificando os prejuízos causados e o que precisa ser providenciado, como materiais de construção e laudos. Além do auxílio os atingidos, essas informações serão importantes para o cadastramento do evento nos órgãos estaduais e federais.

“Nesse momento, não podemos nos limitar a ajudar no que cabe ao serviço público, é um momento de solidariedade. Ontem nossas equipes foram muito ágeis no deslocamento e atendimento às localidades, e isso continua. A mobilização dos moradores também precisa ser destacada”, resume o prefeito Adiló Didomenico, que ainda ontem esteve nos distritos atingidos.

Sobre doações, o chefe de Gabinete, Cristiano Becker da Silva, ressalta que a maior demanda é de materiais de construção. Podem ser doadas guias, pregos, telhas de fibrocimento e zinco, e cimento. A Secretaria de Habitação vai organizar a logística para buscar as doações. Quem tiver materiais pode entrar em contato pelo (54) 3901-1278.

“Quanto a doações de roupas e alimentos, ressalto que não serão necessárias, porque são poucas famílias que precisam desses itens e a FAS, a Fundação Caxias e a Cruz Vermelha têm condições de atender”, explica.

O município também prestará atendimento psicológico a quem necessitar, por meio da Secretaria da Saúde.

A Secretaria do Meio Ambiente também irá providenciar um licenciamento emergencial para que as famílias possam utilizar a madeira das árvores que foram arrancadas pelo temporal.

Durante esta semana os alunos da Escola Santa Lúcia terão atividades monitoradas em casa. O prédio, que é alugado, teve parte do telhado danificado. A previsão é de que as aulas já possam ser retomadas na próxima semana.

O Programa Luz, Cor e Flor, que está atualmente tendo seu ciclo realizado no Bairro Planalto, terá as atividades parcialmente interrompidas e o encerramento do ciclo adiado sem data prevista, para que os trabalhos e esforços das secretarias sejam concentrados nos distritos atingidos pelo temporal.

Foto por Bibiana Ribeiro Mendes