1. Início
  2. Notícias
  3. 2022
  4. Maio

Samae marca presença no 50º Congresso Nacional de Saneamento da Assemae

A autarquia participa com trabalhos técnicos inscritos e com estande na feira que acontece na Fiergs, em Porto Alegre

Publicada dia

O Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) participa do 50º Congresso Nacional de Saneamento da Associação Nacional dos Serviços Municipais de Saneamento (Assemae). A autarquia também terá um estande na Feira de Saneamento, parte integrante do Congresso. A edição ouro do evento acontece dos dias 9 a 13 de maio, no Centro de Eventos da Fiergs, em Porto Alegre (RS).

Neste ano, o diretor-presidente do Samae, Gilberto Meletti, coordenará a mesa redonda 6, com o tema “Eficiência na prestação dos serviços de saneamento básico: indicadores, tecnologias e meta de universalização”. Ela será realizada na quarta-feira (11/05), das 14h às 16h, no auditório Saneamento Municipal. No mesmo dia e local, das 16h30 às 18h30, o vice-presidente da autarquia, Angelo Alberto Barcarolo, também coordenará a mesa redonda 10, “Nova portaria de potabilidade da água nº 888 de 04/05/2021”.

Na terça-feira (10/05), a Coordenadora de Comunicação e da Educação Ambiental, Andréia Copini, será convidada da mesa redonda 1, “Ações de Educação em Saúde Ambiental em Saneamento Básico, que acontecerá das 14h às 16h no auditório Saneamento Público. Na quarta-feira (11/05), o assessor técnico do Samae, Sérgio Luiz Cesa, será facilitador do minicurso 2, “Dimensionamento de medidores”, que será realizado das 14h às 18h, no auditório Gestão Eficiente.

Além disso, o Samae possui seis trabalhos técnicos inscritos que serão apresentados por servidores. Confira o cronograma:

Terça-feira:

  • 12h – Sala 1 – Rossano Belladona, “Desassoreamento do lago de uma pequena barragem de saneamento: operação e custo”;
  • 14h – Sala 1 – Volnei Dal Bosco, “Macrófitas aquáticas em reservatório de saneamento: manejo e custo”;
  • 14h – Sala 3 – Raquel Samara Lemos Giacomin, “Cálculo de indicadores de desempenho operacional relacionados às perdas de água para um Distrito de Medição e Controle (DMC) na cidade de Caxias do Sul – RS”;
  • 16h30 – Sala 2 – Márcio Gasparetto, “Cobrança pela geração de efluentes provenientes de fontes alternativas de abastecimento”;

Quarta-feira:

  • 16h30 – Sala 1 – João Francisco Barbosa, “Monitoramento do conjunto chave-boia e cabo de controle em reservatórios”;

Quinta-feira:

  • 11h – Sala 4 – Janaina Ribeiro Velho, “Saneamento básico rural: programa água limpa”.
Galeria de imagens
1 de 3 imagens

Foto por Divulgação

Foto por Divulgação

Foto por Andréia Copini