1. Início
  2. Notícias
  3. 2022
  4. Agosto

Primeiro encontro de escuta reúne cerca de 50 familiares de crianças autistas e professores

Iniciativa da Secretaria de Educação de Caxias do Sul visa identificar as principais necessidades deste público

Publicada dia

A Secretaria de Educação (SMED) de Caxias do Sul realizou, na manhã deste sábado (06/08), o primeiro encontro do Movimento Transformar – Partindo da Escuta e Acolhimento, voltado a ouvir e identificar as principais necessidades e dificuldades das famílias de estudantes com Transtorno do Espectro Autista (TEA). A atividade ocorreu no ginásio de esportes da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Presidente Castelo Branco, no Bairro Nossa Senhora de Fátima. Cerca de 50 pessoas participaram, entre professores e familiares de estudantes.

O evento foi aberto pela gerente de Educação Especial da SMED, Silvana Cechinato Cagol, que apresentou um panorama do Território no qual a Escola Presidente Castelo Branco está inserida, bem como o trabalho realizado pela pasta para atender às crianças com TEA na rede municipal de ensino. A vice-prefeita Paula Ioris participou de todo o encontro e pontuou: "Temos clareza da importância e da necessidade do atendimento às crianças com autismo. Por isso, o grande objetivo deste momento é receber a todos para juntos podermos compartilhar as vivências e, na sequência, trabalhar para aprimorar o serviço que já é prestado em nossa rede de ensino”.

A secretária da Educação, Sandra Negrini, também enalteceu a busca conjunta por soluções: "É momento de unirmos professores, famílias, comunidade escolar e cumprir nossa missão, que é de acolher, escutar e ajudar. Este é o pontapé inicial de muitos encontros para trocas de experiências que vão servir para aprimorar o trabalho e melhor atender a esses alunos e seus familiares".

Durante toda a manhã, pais e professores relataram suas experiências e destacaram a medida inédita tomada pelo Município no sentido de abrir esse espaço de escuta. Outros quatro encontros ocorrerão nos próximos sábados, em três bairros da cidade e um distrito. Conforme a SMED, há 325 estudantes com TEA na rede municipal de ensino, número que tem aumentado expressivamente nos últimos anos.

Desde o início de 2022, Caxias do Sul está entre os raros municípios do país cujas escolas e professores contam com assessoramento técnico específico para atender crianças e jovens com Transtorno do Espectro Autista (TEA). A vereadora Tatiane Frizzo, presidente da Frente Parlamentar de Conscientização e Defesa dos Direitos dos Autistas, também esteve presente.

Galeria de imagens
1 de 5 imagens

Foto por Cristiane Barcelos

Foto por Cristiane Barcelos

Foto por Cristiane Barcelos

Foto por Cristiane Barcelos

Foto por Cristiane Barcelos